OS NOSSOS ESTILOS E FAIXAS ETÁRIAS

B1 /
B2



PRÉ-BALLET

A criança tem o seu primeiro contacto com o Ballet, através de atividades lúdicas e descontraídas.
A técnica é introduzida através de movimentos mais simples do ballet como o ensino da postura, posições básicas dos pés e braços e orientação espacial.
Nesta aula também vão adquirir outras competências, tais como a musicalidade, a qualidade do movimento, a criatividade e a expressão facial e corporal.

B1 /
B2



dança criativa

A dança criativa é uma atividade que desenvolve a consciência corporal, através da exploração de técnicas básicas de dança, recorrendo ao movimento espontâneo.

O professor normalmente também recorre a histórias para conduzir a criança.

BALLET

Nas aulas de Ballet, utilizaMO o método Vaganova, criado no século XX pela bailarina russa Agrippina Vaganova. Neste método, a aprendizagem é realizada de forma gradual e dá-se ênfase à consciência corporal do aluno em cada movimento. Assim, ao invés de executar movimentos mecânicos, existe o objectivo de dançar com o corpo inteiro. O resultado? Bailarinos que deslumbram o público, tanto pela sua graciosidade como pela sua bravura!
Níveis de Ensino – 1º Ano (6 aos 8 anos); 2º Ano (9 aos 11 anos); 3º Ano (12 aos 14 anos); 4º Ano (a partir dos 13 anos)

K1
K2
T


BREAKING

O Breaking é um estilo de dança que envolve muitos giros, saltos, acrobacias, exigindo uma boa preparação física.
Os bailarinos de breaking são conhecidos como b-boys e b-girls e costumam reunir-se em círculo onde cada um vai ao centro e demonstra através da sua dança autenticidade, criatividade e habilidade para realizar os movimentos.
As batidas mais usadas no breaking são as de Hip Hop, Funk, Soul, Jazz e até mesmo um pouco do ritmo latino.
O Breaking é o primeiro estilo de dança escolhido como modalidade para ir aos Jogos Olímpicos.

K1
K2
T


hip hop

O Hip-hop é um movimento cultural iniciado no final da década de 1960 nos Estados Unidos como forma de reacção aos conflitos sociais. Na Dança, é traduzido por movimentos fortes, marcados e espectaculares. Nas nossas aulas de Hip-Hop, hoje tão conhecido e apreciado pelas crianças e jovens, pretendemos tomar consciência dos movimentos e ritmos possíveis no nosso corpo, bem como desenvolver capacidades como força, equilíbrio, coordenação, musicalidade e noção espacial através da aprendizagem de alguns movimentos básicos e composições coreográficas simples, precisamente adaptadas às idades e experiência dos alunos. Resistência e auto-estima são também dois elementos muito importantes a desenvolver na prática das aulas de Hip-Hop.

K1
K2
T


CONTEMPORÂNEO

A dança contemporânea é um estilo que concede espaço à individualidade do intérprete, valorizando a transmissão de sentimentos, ideias e conceitos. Na Dança Contemporânea é constantemente reforçada a importância da experimentação coreográfica, onde os alunos recebem estímulos para desenvolverem interpretações de movimento que os conduzem à criação final direccionada que, no caso das aulas de projecto, assume a forma de espectáculo. A dança contemporânea rompe com as molduras clássicas. Não tem técnicas específicas nem um “corpo ideal”. Inova nas temáticas e na relação com os espaços e outras artes

K1
K2
T


POP DANCE

Aula coreográfica que usa como base musical o electronic dance music, a música pop e comercial. Funde estilos como o Hip Hop, Street Jazz e R&B, House, sendo muito enérgica, divertida e simples.

K1
K2
T


K2
T



FLEXIBILIDADE

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

K2
T



JAZZ

A Dança Jazz tem raízes essencialmente populares e desenvolveu-se no seio da cultura negra em paralelo com a música Jazz, nos Estados Unidos da América. Recebeu inúmeras influências, tendo actualmente como pilar a técnica da dança clássica e do contemporâneo aplicada ao Teatro Musical e à música Pop e moderna. Possui outras variações de estilo como: Modern Jazz Dance, Soul Jazz, Rock Jazz, Street Jazz, Feeling Jazz, Popular Jazz, Lyrical Jazz. Todos estes estilos são exigidos a um bom bailarino de jazz e é com base nesta exigência técnica que todo o trabalho das aulas é estruturado.

e os nossos professores!

Alice Gonçalves
Contemporâneo
Álvaro Lopes
Hip Hop, Pop Dance, Ritmos
Andreia Lemos
Dancehall, Dancehall Female, Pop Dance
Ariel Pezzuol
Ballet, Funk Brasileiro, Jazz, Pop Dance, Pré-Ballet
Jazzy Professores_2022_Bárbara Cordeiro
Bárbara Cordeiro
Contemporâneo
Bboy Guebz
Breaking
Jazzy Professores_2022_Ivo Montanha
Bboy Lil'Hill
Breaking
Bboy Waver
Breaking
Bruno Bogalho
Hip Hop, Pop Dance
jazzy dance studios_professores_Bruno Serra2022
Bruno Serra
Dancehall, Hip Hop
César Nusik
Hip Hop, Hip Hop Choreography, Popping
Cláudia Fonseca
Pop Dance
Cookie
Contemporâneo, Contemporâneo Floorwork
Jazzy Professores_2022_Cristal1
Cristal
Ballet, Contemporâneo, Dança Criativa, Pop Dance
Daniel Courinha
Jazz, Pop Dance
Jazzy Professores_2022_David Turtle
David Turtle
Hip Hop
Inês Afflalo
Barra de Chão, Clássico, Condicionamento e Barra, Contemporâneo
Inês Cunha
Choreography, Girlie, Hip Hop
Joana Lopes
Hip Hop, Street Jazz
Mafalda Rey
Hip Hop
Jazzy Professores_2022_Nelson Stein
Nelson Stein
Commercial, Contemporâneo, Hip Hop, Pop Dance
Nicoleta Munteanu
Ballet, Barra de Chão, Clássico, Flexibilidade, Jazz, Pontas, Pré-pontas
Jazzy Professor_2021_Pauty1
Pauty
Hip Hop
Pedro Gomes
Bachata, Pop Dance, Salsa ON 1, Salsa Styling
Jazzy Professores_2022_Rita Agualuza
Rita Agualuza
Dança Criativa
Jazzy Professores_2022_Sara Costa
Sara Costa
Contemporâneo, Hip Hop
Sofia Caldeira
Alongamentos, High Heels, Pop Dance, Street Jazz, Waaking
Telmo Santos
Hip Hop
Jazzy Professores_2022_Thays Peric
Thays Peric
Contemporâneo, Pop Dance
Jazzy Professores_2022_Valentina Codinha
Valentina Codinha
Ballet, Barra de Chão, Clássico

fala connosco e agenda uma aula experimental gratuita!

    Segue-nos!

    Jazzy Dance Studios © 2022 | Todos os direitos reservados

    Subscrever newsletter